Guias

Transtorno do processamento auditivo

Transtorno do processamento auditivo

Sobre desordem de processamento auditivo

Crianças com transtorno do processamento auditivo (DPA) têm audição normal, mas têm dificuldade em reconhecer e interpretar os sons que ouvem.

Essas dificuldades dificultam que as crianças percebam o que é um som, de onde veio e quando aconteceu. E isso significa que é difícil para as crianças ouvirem corretamente quando há ruído de fundo ou o som é abafado.

APD é um problema com a maneira como os ouvidos e o cérebro de uma criança trabalham juntos para entender o som. Não é uma deficiência auditiva e não é um distúrbio intelectual. A DPA também pode parecer um problema de linguagem, uma dificuldade de aprendizado ou um distúrbio de déficit de atenção e hiperatividade, mas também não são essas coisas.

Como o APD se parece com outros problemas e geralmente ocorre com outros distúrbios, como linguagem e dificuldades de leitura, pode ser difícil de diagnosticar.

O DPA também é conhecido como transtorno do processamento auditivo central (CAPD).

A DPA afeta cerca de 3-5% das crianças em idade escolar.

Sinais e sintomas de distúrbio do processamento auditivo

Se uma criança tem DPA, você pode perceber que ele tem dificuldades com:

  • ouvir e ouvir, especialmente se houver muito ruído e distração no fundo
  • seguintes instruções
  • mantendo o foco - por exemplo, ele pode ser facilmente distraído
  • lembrando instruções faladas
  • dizer a diferença entre as letras que soam semelhantes, como 'k' e 'g', ou 't' e 'd'
  • lembrando de dizer o começo ou o fim dos sons das palavras quando ele está lendo.

Isso significa que o APD pode aparecer como problemas de aprendizado, audição e comunicação, além de leitura e escrita.

Causas do distúrbio do processamento auditivo

Não sabemos o que causa o APD. Alguns especialistas acham que infecções no ouvido e trauma na cabeça podem aumentar o risco de uma criança desenvolver DPA.

Diagnóstico de distúrbio do processamento auditivo

A DPA geralmente é diagnosticada quando as crianças começam a escola. O diagnóstico é importante para que seu filho possa obter suporte para o aprendizado em sala de aula.

É uma boa idéia consultar seu médico ou pediatra para obter orientação se você notou algum dos sinais ou sintomas de TPA ou se o professor de seu filho percebeu que seu filho estava com problemas para ouvir na escola. O médico ou pediatra pode testar a audição do seu filho ou encaminhá-lo a um audiologista.

Se o audiologista achar que o problema pode ser DPA, o audiologista fará uma avaliação do processamento auditivo. Isso inclui testes de diagnóstico para perda auditiva e testes de processamento auditivo.

A teste de processamento auditivo envolve vários testes curtos, como ouvir e repetir palavras e sons de volta ao audiologista. O audiologista usa o equipamento para alterar as palavras e os sons, tornando-os mais difíceis de entender - por exemplo, o equipamento pode adicionar ruído de fundo ou reproduzir palavras ou sons ao mesmo tempo.

Você pode pedir ao seu audiologista mais informações sobre os testes antes que seu filho os faça.

Os audiologistas diagnosticam a DPA em consulta com vários profissionais, incluindo fonoaudiólogos, psicólogos e professores.

Suporte e tratamento

O DPA não pode ser curado, mas com a intervenção e o apoio certos, seu filho pode melhorar sua capacidade de ouvir na sala de aula.

Seu audiologista pode sugerir estratégias que seu filho possa usar para melhorar sua audição em ambientes ruidosos. O audiologista também pode recomendar que seu filho use um FM pessoal ou um sistema de amplificação de som. Isso ajudará seu filho a ouvir a voz do professor com mais clareza, mesmo quando houver muito ruído de fundo.

Seu filho pode ser encaminhado a um fonoaudiólogo para trabalhar em suas habilidades de linguagem. Seu filho também pode consultar um professor de educação especial para obter ajuda extra na escola, especialmente com leitura e escrita.

O tratamento para DPA é adaptado a cada criança. É uma boa ideia conversar com seu audiologista ou fonoaudiólogo sobre que tipo de tratamento funcionará melhor para seu filho.

Assista o vídeo: Distúrbio do processamento auditivo: Como identificar. Vida & Saúde (Abril 2020).